Melhores telhados e coberturas de madeira

Melhores telhados e coberturas de madeira Os telhados deixam as construções mais charmosas e requintadas, contudo, não podemos dar atenção somente ao que as pessoas veem pelo lado de fora. Temos que dar uma atenção redobrada para o exterior de nossas construções. Por isso, é extremamente importante apresentarmos um conjunto de bom gosto, ou seja, não apenas o telhado, mas também toda sua sustentação.

Não é somente a cobertura que recebe uma quantidade de opções, a sustentação de nosso telhado também possui algumas boas alternativas, tudo para deixar seu empreendimento ainda mais belo para os seus e para os demais olhos. Abaixo, você poderá saber um pouco mais a respeito da sustentação de um telhado, como também, a necessidade de cuidados para que seu investimento seja realmente duradouro.

Tipos de madeira

Antes de sair por aí comprando as madeiras sem qualquer parâmetro, converse com o profissional contratado para realizar seu empreendimento. Com certeza, devido a sua experiência, ele saberá exatamente qual a madeira perfeita. Além deste importante detalhe, poderá também saber um pouco de seu conhecimento profissional, afinal de contas, do que adiantaria as melhores madeiras sem um conhecimento profundo do profissional?

O quesito resistência e beleza não depende somente do tipo de madeira, mas também do conhecimento do profissional contratado que, com certeza, saberá qual o melhor tipo de viga, de pranchas e também o tipo de madeira: peroba do norte, peroba rosa, peroba copiúba, maçaranduba entre outras.

Uma curiosidade a respeito das madeiras é que cada uma tem sua própria particularidade, por exemplo: a maçaranduba, jatobá e a itaúba são utilizadas na estrutura, devido sua resistência, já a peroba-rosa para o próprio telhado em si. Converse a respeito sobre todos os procedimentos para a realização de seu projeto, com certeza perceberá que se trata de um trabalho praticamente artesanal.

Detalhes importantes

As madeiras empregadas em telhados vem de lugares diferentes e, devido a esse fato, cada uma possui uma determinada característica, por exemplo: a itaúba e maçaranduba, originarias do Mato Grosso, são indicada para regiões mais quentes e secas, ao contrário da aroeira que é acostumada com regiões mais úmidas e frias. Já a peroba-rosa pode ser aplicada em qualquer região e é por isso que é mais comum.

As estruturas de madeira precisam de um preparo e, por se tratar de um material que sofre ação do clima e tempo, é preciso tomar alguns cuidados para sua preservação e durabilidade. É utilizado de dois em dois anos verniz naval para uma melhor preservação, contudo, vale lembrar que a durabilidade da madeira nobre chega ao impressionante número de 100 anos, no entanto, sem o cuidado devido, sua cor pode escurecer, com o passar dos anos. E, um pequeno detalhe extremamente importante, é que ao escolher o tipo de madeira para seu empreendimento, certifique-se que não esteja úmida, caso perceba qualquer suspeita de umidade, não compre.

 

Comente!

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *

Nome *

Email *