Conheça os diferentes tipos de madeira

Tipos de madeira

Recentemente chegou um novo produto no mercado nacional: O carpete de madeira. Ao longo prazo, outros tipos de revestimentos parecidos foram inseridos, como o piso laminado e piso de madeira comum. Por isso, é normal que se acumulem dúvidas sobre a diferença entre esses produtos, bem como as vantagens de se adquirir um deles.

O fato é que eles vem de algumas variáveis, mas todos atribuem elegância e praticidade para o ambiente. Aqui você entenderá como é fácil diferenciá-los, e não há muito segredo. Tudo o que é necessário é uma boa pesquisa e acompanhamento do material escolhido.

Carpete de madeira

O carpete de madeira é composto de uma folha finíssima de madeira natural acoplada e prensada a uma base de madeira comum processada. A diferença do piso de madeira é que a finura – o carpete possui cerca de cinco a sete milímetros –, e o fato de ser instalado junto ao contrapiso acima de uma manta de separação, preso um ao outro com a ajuda de encaixes do tipo macho e fêmea.

Para evitar que o carpete saia do lugar, é aplicado um tipo de rodapé em suas bordas, dando assim um acabamento no revestimento.

Vantagens

  • Rapidez na aplicação;
  • Baixo preço.

Piso laminado

O piso laminado é o mais próximo do carpete de madeira devido ao seu sistema de aplicação e base, mas a diferença maior se encontra no revestimento, que não é uma folha fina de madeira, e sim um elemento decorativo chamado de laminado melamínico, ou Fórmica (esse é o nome de um de seus principais fabricantes no Brasil).

Uma dúvida que abrange uma grande parcela das pessoas que tem que escolher entre esses dois pisos é o fato de que os fabricantes desse piso usam estampas muito realistas. Nesse sentido, o desenvolvimento tecnológico desse produto permite um acabamento e resultado final formidável em relação ao encaixe e aparência.

É um piso mais durável que o carpete de madeira, mas ainda apresenta o mesmo tipo de ruídos.

Pisos de madeira

Já os pisos de madeira são encontrados mais facilmente, e de diversos tipos: tacos, assoalhos e parquets. São basicamente feitos de madeira natural em toda a composição, podendo ser das seguintes espécies:

  • Cumaru;
  • Peroba;
  • Ipê;
  • Amêndola;
  • Tauari;
  • Carvalho, etc.

A principal diferença quando se pensa no piso de madeira em relação aos outros dois está na resistência e dureza, que pode ser facilmente verificada nas lojas. São duas tábuas que formam o piso e variam em largura e espessura. A aplicação é simples, colada e parafusada no chão.

Vantagens

  • Conforto térmico;
  • Alta resistência ao tempo e raspagens.

Comente!

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *

Nome *

Email *